Montando um Consultório de Psicologia: Um Desafio à Parte

Autor: Adelson Sousa - 19 de junho de 2018

O psicólogo Adelson Sousa em entrevista ao ÀgoraPsi fala detalhadamente sobre pontos fundamentais a serem observados no momento da montagem de um consultório/clínica em psicologia. Vários aspectos são citados, usando como referência a cidade do Salvador e expondo valores e taxas reais.  

Agradeço o convite da equipe do ÀgoraPsi e atendendo a proposta buscarei da forma mais prática possível discorrer sobre aspectos que considero fundamentais no momento de optar por iniciar uma clínica psicológica, aproximando inclusive, os valores citados da realidade. Espero contribuir, com um pouco da minha experiência para a caminhada de outros profissionais na busca de seus anseios, sonhos e objetivos.

A clínica é, sem dúvidas, a primeira referência no imaginário da população quando se fala em psicologia, uma área estética, cercada de fantasias e idealizações. No âmbito profissional, apesar do constante processo de ampliação dos contextos de atuação atribuídos aos psicólogos, a clínica permanece com o seu lugar ao sol. O psicólogo, ou mesmo o graduando que ao menos nunca se questionou sobre atuar ou não na clínica, que atire a primeira pedra!

Aspirações, estéticas e fantasias à parte, a clínica é também um empreendimento, com particularidades mercadológicas específicas que precisam ser consideradas. É um ramo que possui alguns grandes atrativos por seu caráter autônomo, como a possibilidade de flexibilidade de horários, o que permite ser conciliada com outras atividades de trabalho ou acadêmicas.

Seja de caráter jurídico ou mesmo físico, formal ou informal, a clínica irá conferir ao psicólogo, além da imensa responsabilidade pelo seu próprio desempenho profissional, grandes desafios e obstáculos quanto aos aspectos funcionais e burocráticos envolvidos.

A inserção na clínica.

Explorarei algumas questões primordiais no momento de optar por iniciar a atuação na clínica, mas todas irão passar, necessariamente, pelas condições e possibilidades atuais e principalmente futuras das pessoas envolvidas. Considerar tais aspectos pode representar a diferença entre persistir ou desistir da área.

Tenho acompanhado casos em que a ansiedade em iniciar o negócio, aliada a falta de planejamento, têm sido fatores prejudiciais e às vezes letais à sustentabilidade do profissional na área. Como em qualquer empreendimento, não somente é importante iniciar, mas também criar condições para manter a atividade, principalmente considerando este ramo da psicologia, onde algumas vezes a velocidade do retorno financeiro pode acompanhar o expandir dos laços do psicoterapeuta, o que pode ser um processo longo e representar custos ao invés de lucros em muitos momentos.

Outro aspecto importante que diz respeito à sustentabilidade do empreendimento, é o caráter instável inerente ao negócio. Em momentos de crise financeira por parte do cliente, existe uma tendência de corte de gastos, e é comum que a psicoterapia acabe “esperando”. Ainda em épocas como final do ano, carnaval, São João e feriados, diante da possibilidade de viagem dos clientes, as previsões de entrada de proventos podem ser drasticamente reduzidas.

Considero o investimento na clínica altamente instável. Não estou trazendo o termo instabilidade aqui, como sinônimo de contra-indicação ou de não rentabilidade, estou é afirmando que a área não é estável.  Então é importante que lidar e reagir a imprevisibilidades e mudanças seja uma aptidão do autônomo clínico.

A falta de estabilidade pode ser realmente um problema para alguns, então antecipo que a idéia de entrar na clínica e “virar” um psicólogo clínico é bem fantasiosa. O processo é diário, e assim como as aranhas, o psicoterapeuta está fadado a viver do que tece. O que não quer dizer também, que as aranhas não possam, com o passar do tempo e experiência, viverem bem gordinhas. Afinal, a qualidade da teia influencia nos resultados.

1- Onde?

Em Salvador, como é tendência em outras grandes cidades, alguns serviços formam verdadeiros nichos em termos de localização. Os serviços de clínica em Psicologia concentram-se principalmente em locais como a Região do Iguatemi, Itaigara, Garibalde, Pituba, Barra, e Graça, com poucas incidências em outros bairros.

A psicologia clínica na cidade vive um crescente movimento de facilitação de acesso aos serviços, com a possibilidade de atendimentos por planos de saúde, e mesmo com a prática de valores mais acessíveis por determinadas instituições ou profissionais. Tal tendência favorece a pessoas de diversas classes sociais e muitas vezes moradoras de grandes bairros populares terem cada vez mais acesso aos serviços, porém, poucas iniciativas de clínicas nestes locais ocorrem, mesmo em bairros tão plurais como Cabula, Brotas, Cajazeiras, Cidade Baixa, e Subúrbio Ferroviário. Locais estes, que hoje, sob nenhuma hipótese são sinônimos de público sem potencial de consumo do serviço. Enfim, este não é o meu foco agora, embora certamente rendesse uma ótima discussão ou uma rica pesquisa.

Outro aspecto que embora pareça detalhe é importante no momento da escolha do local, é a acessibilidade, tanto de veículos, quanto para usuários de transporte público. Em alguns endereços da capital, principalmente nos horários de pico, a ida à terapia, pode ser um processo extremamente demorado e cansativo. O que pode ser um problema especialmente considerando que na maioria dos casos esse será um compromisso semanal.

As condições de estacionamento para o psicólogo e para clientes também devem ser consideradas, além da atenção ao horário de funcionamento do prédio para adequar o trabalho às suas necessidades. Muitos prédios comerciais ou empresariais funcionam somente até as 18 horas durante a semana, impossibilitando atendimentos fixos ou ocasionais a noite ou fora deste intervalo.

1- Com quem?

Uma sociedade pode ser muito útil no momento da partida do negócio, por representar uma redução nos custos e divisão de responsabilidades. Porém, este que é um benefício, é também um potencial fator de destruição do empreendimento.

De algum modo, na clínica, a responsabilidade pelo sucesso na carreira profissional será individual, e nem todos os envolvidos podem conseguir manter o mesmo nível de desenvoltura ou persistência, principalmente diante das adversidades. E se um membro falha em seus compromissos, ou no caso da desistência de alguém, o ônus recairá automaticamente sobre os membros restantes, podendo representar uma carga insuportável, e trazer grandes prejuízos.

Para evitar surpresas, é importante clareza e maturidade na escolha dos membros participantes e indispensavelmente a elaboração minuciosa e consensual de contratos que ofereçam as garantias necessárias no caso de faltas.

Problemas futuros de qualquer natureza ou impasses existentes nas relações interpessoais dentro do grupo podem intoxicar o andamento dos negócios, logo a construção de regras claras com atribuições de papéis, responsabilidades e poder, tal como a elaboração de contratos com o mínimo possível de espaço para interpretações subjetivas são essenciais para garantir uma atmosfera de segurança para os envolvidos.

1- Alugar, comprar ou sublocar?

Falarei separadamente de cada um destes aspectos, pois todas estas possibilidades trazem vantagens e desvantagens que precisam ser analisadas. Ao falar de dados específicos, práticos, que exijam valores, vou usar o exemplo com referencias e valores verídicos de um imóvel específico, uma sala comercial de 32 m² situado no bairro da Pituba em Salvador-BA, avaliado em janeiro de 2014 em R$112.000,00 (Cento e doze mil reais).

Quero agradecer ao contador Sergio Teixeira, que prontamente me deu importante suporte, cedendo todas as informações técnicas e contábeis necessárias para a elaboração deste artigo com valores e referencias de taxas verídicas.

Comprar

Adquirir um imóvel representará claro, uma diminuição, mas não uma isenção dos valores mensais fixos. Outras despesas fixas estarão sempre presentes, como taxa de condomínio, IPTU, Luz, Telefonia, Internet, manutenção da estrutura e equipamentos, além de materiais descartáveis, higienização do espaço, material de limpeza e possíveis mão de obra.

Alugar 

No caso do imóvel citado, o valor mensal do aluguel é de R$ 850,00 (oitocentos e cinqüenta reais) mensais. Em alguns casos, para firmar o contrato de aluguel, principalmente se a locação for intermediada por alguma, será exigida a apresentação de fiadores potenciais, ou pagamento de caução, ou de seguro, e o nível de burocracia costuma ser bem maior que quando contratos firmados diretamente entre locatário e o proprietário. Pesquisar bastante e não se precipitar é importante.

Investimentos

Ao comprar ou alugar o imóvel, será necessário avaliar também a compatibilidade da estrutura com o serviço prestado, a conta para adequá-lo pode ser significativa. Geralmente os serviços necessários serão: construção de paredes e divisórias em material acústico,  vedação acústica das portas, serviços em gesso, hidráulicos, elétricos e de Pintura.

Agora é hora da mobília, e vale lembrar algumas normas e orientações dos órgãos de regulamentação. Os consultórios deverão apresentar entre outras, as seguintes características:

  •  Fonte de água potável com copo descartável;
  • Sanitários adaptados para deficientes físicos, providos de: pia com sabonete líquido e papel toalha, lixeira com tampa e pedal e saco plástico, vaso sanitário com tampa e papel higiênico, ralo de esgoto com tampa que permita o fechamento – escamoteável;
  • Sala com o mínimo de 7,5 m2;
  • Parede de cor clara, material liso e impermeável – sem presença de mofos, rachaduras e infiltrações;
  • Piso lavável e impermeável;
  • Teto liso, de material resistente, pintado com cor clara
  • Bancos, bancadas e balcões de revestimento interno e externo de material impermeável e de fácil higienização.
  • Revestimento de sofás, cadeiras, poltronas, divãs, cortinas e almofadas de material impermeável;
  • Sistema de iluminação natural ou artificial adequado para a metragem da sala;
  • Ventilação adequada: janela e/ou ar-condicionado;

Finalizado este investimento inicial, é necessária uma previsão das despesas mensais.

Valores mensais fixos de Referência – Previsão

DESPESA VALORES MENSAIS
Taxa de Condomínio 360,00
IPTU 161,00
Energia elétrica 150,00
Telefone + Internet 140,00
Descartáveis/ materiais de limpeza 140,00

 

Sublocação de Salas:

A sublocação de espaço é o pagamento geralmente por turno ou hora para sua utilização.  A grande vantagem é o não investimento mencionado acima, por outro lado, os horários ficam restritos ao contratado.

Em Salvador, existe uma variação muito grande de valores cobrados por sublocação. Por exemplo, hoje alguém que subloque todas as segundas-feiras pela manhã do mês, pode pagar de R$ 150,00 a 450,00 mensais pela sala, a depender da instituição, e não necessariamente os valores refletem a qualidade e vantagens dos serviços prestados. Portanto, vale pesquisar!

Pessoa física ou jurídica?

É possível ao profissional regularizar-se como pessoa física ou jurídica.

No caso da pessoa física, o psicólogo deverá se cadastrar como autônomo na prefeitura. Para tanto será necessário a apresentação de documentos específicos, neste momento, pode ser importante o auxilio de um contador, para que providencie a documentação necessária. A inscrição como autônomo, gera uma contribuição mensal ao INSS, de acordo com a tabela da Previdência Social.

No caso da pessoa jurídica, como a profissão não se enquadra na possibilidade do MEI (Micro empresa Individual), a empresa deverá ser registrada como micro-empresa, e deverá se seguir os seguintes passos burocráticos:

1-    Junto a SUCOM dar entrada TVL (Termo de Viabilidade de Localização), trata-se de um termo emitido pela instituição quando a atividade solicitada for permitida no local. Em média R$ 90,00. Quando autorizado a atividade, é gerado um boleto para o pagamento da taxa anual, em média R$ 700,00.

2-    Na Junta Comercial do Estado da Bahia JUCEB, dar entrada no registro do Contrato Social, que em resumo, é um documento que estabelece normas de relacionamento entre os sócios e a sociedade. A JUCEB, ao concluir o processo de autenticação da sua documentação, criará a sua inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ que é mantido pela Receita Federal. Em média será gasto R$190,00 neste processo.

3-    Logo após o registro do contrato social, solicitar a inscrição do CNPJ junto a Receita Federal, seguindo para o âmbito municipal, com a inscrição municipal na prefeitura de origem, e solicitação do Alvará de Funcionamento da empresa.

4-    Os procedimentos para abertura de Empresa (Pessoa Jurídica) é necessário a contratação de um contador, para efetuar os procedimentos juntos aos órgãos públicos acima citados.

5-    Pagamento ao CRP (Conselho Regional de psicologia) de taxa adicional, para adquirir a carteira profissional de pessoa jurídica. Lembrando que esta não substitui a carteira de pessoa física, logo psicólogo pagará ao CRP dois valores anuais, hoje o valor da anuidade pessoa física para 2014 é de R$ 411,40 mais R$ 495,15 pelo registro de pessoa jurídica.

6-    Após a conclusão de toda a burocracia legal, além dos valores acima citados, que são anuais, existirão os impostos por serviços prestados que são:

  • Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza – ISS.
  • Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas – IRPJ;
  • Contribuição Social sobre o Lucro – CSLL;
  • Programa de Integração Social – PIS/Pasep;
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social – COFINS;

Juntos, totaliza uma média de 16% de impostos sobre o valor de cada nota emitida.

Encerro este texto sem recomendações, já que acredito que caberá a cada pessoa analisar cautelosamente os fatores envolvidos e assumir a responsabilidade por suas carreiras.

Mais do que trazer respostas, minha tarefa estará cumprida se ao final, eu conseguir despertar em cada pessoa ainda mais questionamentos, clareando as peças, para que cada um, ao seu modo e tempo monte o seu próprio quebra-cabeça.

De mim, desejo sucesso na caminhada, e me ponho à disposição para discussões que possam de alguma maneira promover crescimento e o desenvolvimento da área. Enquanto você for psicólogo, você é a responsável pela psicologia.

 

Adelson Sousa

Psicólogo CRP 03/8956

Deixe uma resposta